12.º Simulacro no âmbito da prevenção de incêndios no IPO de Coimbra

simulacro-2018-01.jpg

O Instituto Português de Oncologia de Coimbra (IPOC), levou a cabo, no passado dia 6 de dezembro, às 23h00, o seu 12.º exercício no âmbito da prevenção de incêndios.
O “incêndio” deflagrou na unidade de internamento do Serviço de Oncologia Médica, situada no Piso 3 do Edifício da Oncologia Médica e Laboratórios, onde se testou a eficácia das Medidas de Autoproteção – Plano de Emergência e a articulação entre os agentes internos e externos.

O simulacro consistiu na evacuação de seis figurantes como doentes.

Neste exercício de simulação de incêndio, para além das equipas internas, estiverem presentes as seguintes entidades externas: Bombeiros Sapadores de Coimbra, Bombeiros Voluntários de Coimbra, Bombeiros Voluntários de Brasfemes, Polícia de Segurança Pública e Polícia Municipal. O exercício contou ainda, no papel de observadores, com o Instituto Nacional de Emergência Médica e a Administração Regional de Saúde do Centro.

O IPOC reconhece a mais valia destes exercícios de simulacro na formação e treino dos profissionais da instituição, bem como, na articulação entre as equipas internas e as entidades externas.

A realização destes exercícios integra-se na Política da Qualidade e Segurança desta Instituição e cumpre, para além da obrigação legal, os critérios preconizados pelos processos de Acreditação Internacional em que a Instituição está envolvida.
O sucesso do simulacro realizado deve-se ao envolvimento das equipas internas e das entidades referidas às quais o IPOC agradece.